segunda-feira, 30 de julho de 2012

Qual a melhor corda de poliéster

No Twitter, no Facebook e aqui no blog umas das perguntas mais frequentes é: qual a melhor corda de poliéster?

Devido à infinidade de opções existentes no mercado( e lembrando que muitas marcas menores mas também muito boas não são trazidas para o Brasil ), é normal o tenista ficar em dúvida, mesmo porque o custo de algumas chega a ser bem alto.

E qual a resposta? A resposta é: depende. Depende do seu nível de jogo, do tipo da sua batida, de como você gosta de jogar, de qual raquete usa e até de quanto está disposto a gastar, pois o preço varia bastante de marca para marca.

Dentro do imenso universo das cordas de poliéster, existem aquelas mais macias, as mais duras, as que dão mais spin, mais finas, mais grossas... E com certeza existe uma que melhor se adapta a cada estilo de jogo. Além disso, existem infinitas combinações que podem ser utilizadas para tentar extrair o melhor de 2 modelos diferentes, usando uma nas mains( verticais ) e outra nas crosses( horizontais ).

Por exemplo, se você gosta de bater chapado, uma corda lisa e que te dê melhor sensibilidade na batida pode te ajudar. Mas, ao mesmo tempo, se você bate chapado e quer qualquer spin extra que a corda possa gerar, a escolha pode ser totalmente diferente.

Já um jogador que bate com bastante spin pode querer uma corda que o ajude nas batidas chapadas, ou outra que intensifique ainda mais esse lado do jogo dele.

Já um terceiro jogador não tem encordoadores disponíveis por perto, então ele precisa de uma que dure mais tempo e que não perca tanta tensão.

Tudo isso acaba direcionando sua escolha para determinados modelos de corda, então é importante identificar exatamente o que você quer incrementar no seu jogo. Dando um exemplo prático, eu sempre fui um fã de cordas lisas e finas, e que me dessem a maior sensibilidade que eu pudesse ter. Quando mudei para a Head IG Prestige MP e customizei com chumbo, percebi que cordas mais duras e com perfil hexagonal casariam melhor. Depois disso mudei meu encordoamento oficial, o que também não me impede de testar novas cordas para saber exatamente o que cada uma pode proporcionar no meu jogo.

Via de regra, percebi que raquetes mais leves casam melhor com cordas de poliéster mais macias, enquanto raquetes mais pesadas podem se dar melhor com cordas de poliéster mais duras. Algo que influencia bastante também na escolha da corda é a velocidade e o tamanho do seu swing: caso ele não seja muito rápido, uma poliéster mais dura pode estragar seu jogo já que ela não vai ter elasticidade suficiente para influenciar no seu jogo. Já uma poliéster muito macia para quem tem um swing muito rápido pode parecer extremamente molenga.

Enfim, algo importante é não ter medo de testar. Só você vai conseguir saber qual a melhor corda para o seu jogo.

Um abraço, e bom bate bola!

21 comentários:

  1. Alexandre - Brasil30 de julho de 2012 17:14

    Se vc bate com maior spin:
    Corda Signum Pro Hyperion 1,18 mm nas crosses (macia com maior filing)
    Corda Signum Pro Tornado 1,17mm nas mains (bom efeito) ou a RPM blart mais potencia.

    Até mesmo a Luxilon com as lisas na crosses e as Rough nas mains. preferencialmente as BIG BAGNER...

    ResponderExcluir
  2. Excelente post Dadozen.

    Uma dúvida, quais as cordas mais macias de poliéster? ( ja vi que você indicou a signum pro hyperion e kirschbaum pro line II , teria mais alguma? )

    Em relação a expessura, a diferença de conforto entre a hyperion 1.18mm da 1.24mm é muito grande?

    Um abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Guilherme, outras polys confortáveis são a WeissCannon Turbo Twist e a TopSpin Cyber Blue.

      A diferença de conforto não é muito grande entre as espessuras da Hyperion, a 1.24 ainda é mais confortável que várias outras polys. Só havia indicado a 1.18 porque ela é o diâmetro mais confortável de todas.

      Abraço!

      Excluir
  3. Oi amigo, muito boa suas dicas... Será que a corda da head Sonic combina com a raquete Head prestige MP, e qual a tensão mediana das cordas. Obrigado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A Head Sonic Pro é uma ótima opção sim, e a tensão mediada da Prestige é por volta de 52-53 lbs.

      Abraço!

      Excluir
  4. Ricrdo gostaria muito em que voce fizece uma postagem falando porque hoje em dia nao tem tenistas novos se destacando igal antigamente.
    Obrigado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A questão é bem complexa, mesmo porque hoje temos 4 tenistas que estão claramente em um nível muito maior que o restante do top 10. Passa por um monte de aspectos, como velocidade da quadra( que antigamente tinha uma diferença maior entre superfícies, o que proporcionava resultados mais surpreendentes ), até a questão de que talvez realmente não tenhamos tenistas mais novos com grande destaque.

      Mas é uma ótima idéia, vou pensar em algo para postar.

      Abraço!

      Excluir
  5. Boa tarde, vou encordoas minha head radical MP com sgnum pro 1:18, qual tensao eu uso.

    Obrigado

    ResponderExcluir
  6. Olá! Virei fã do seu blog. Tenho aprendido muito aqui mas as dúvidas sempre existem. Rrs
    Uso uma Aeropro Drive GT 2011, jogo uma 5° p/ 4° classe e mudei radicalmente minha empunhadura para gerar mais spin.
    Tenho feito trocas frequentes das cordas, aproveitqndo todas as dicas que nos fornece aqui e testando bastante pra ver o que é melhor pra mim. Aconte que sempre tenho lesões do nada. A última foi uma dor no braço (creio q tênis elbow) que me fez perder o jogo por n conseguir nem sacar de tantas dores. Nunca tive isso e veio do nada.
    Até que ponto a corda pode influênciar nessas dores sendo q tenho testado bastante corda e cada hora aparece uma dor diferente?
    Priorizo o spin e o fundo de quadra e comecei a jogar há pouco tempo com cordas poly. Teria alguma dica de corda para, pelo menos amenizar tantas lesões?
    Ou seria a raquete que teria q ser trocada?
    Parabéns pelo blog e saiba que tem ajudado muito a tirar muitas dúvidas e adquirir conhecimentos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Rodrigo! Obrigado pelos elogios!

      Vamos à sua pergunta: a AeroproDrive é uma raquete rígida, o que aumenta a probabilidade de causar dores. É certo que algumas cordas que você usou sejam mais macias que outras, mas se as dores começaram ao usar cordas poly, é bem provável que isso que tenha causado as dores, já que as cordas poly são bem rígidas também, que é justamente o que proporciona o controle e o spin.

      Para continuar utilizando polys, acredito que o melhor seria procurar uma raquete mais flexível, possibilitando baixar a tensão e consequentemente tenho um conjunto raquete + corda mais confortável.

      Abraço!

      Excluir
  7. Boa tarde Ricardo, vou trocar minha raquete, pois já estou a algum tempo com ela e acho que esta na hora de trocar. Estou em dúvida entre a Wilson blade 98 e a Yonex Vcore 89, qual seria a melhor opção de corda tendo eu uma batida chapada. Parabéns pelo blog, muito legal, criativo e útil acima de tudo. Continue com este grande trabalho.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Felipe, elas são raquetes bem diferentes. A Blade 98 é relativamente leve, mas com um SW alto que propicia bolas potentes sem prejudicar muito a manuseabilidade. A Yonex VCore 89 Tour é bem pesada, com o equilíbrio bem voltado para o cabo, que precisa de um físico bom para aguentar 2 ou mais sets seguidos. Mas tem uma relação excelente entre controle e potência.

      Se tem uma batida chapada, sempre escolha cordas lisas, pois proporcionam mais controle direcional e de profundidade.

      Abraço!

      Excluir
  8. Ricardo, boa tarde.

    Uso uma Head Graphene Speed Pro e estava encordoando com a Babolat RPM 55lbs, mas achei que falta muito conforto e sensibilidade nos golpes, embora a precisão e o controle sejam muito bom.

    Me recomendaram colocar a Cyber Blue com 53 lbs, que manteria o mesmo controle e precisão, com mais spin, conforto e feel. O que você acha?

    Teria alguma outra corda (ou híbrida) ideal para utilizar com essa raquete? Se sim, qual a libragem indicada?

    Obrigado, abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gustavo, a Cyber Blue realmente é bem mais confortável que a RPM Blast, mas ela provavelmente não vai manter o mesmo controle e dar mais spin com 53lbs, sugiro manter a mesma libragem para ter uma base de comparação mais concreta, inclusive.

      Acredito que a Kirschbaum Pro Line 2 1.25 e a Weiscannon Scorpion 1.22 te darão mais controle e mais feel do que a RPM Blast, mesmo com 53 lbs.

      Abraço!

      Excluir
  9. Boa tarde, Ricardo.
    Primeiramente parabéns pelos ótimos posts. Desde que decidi trocar minha raquete radical MP por uma pro staff 95 (tenho um bom físico) tenho lido muitos dos seus artigos e aprendido bastante com eles. Minha pergunta é sobre a corda que vou usar. Queria uma que tivesse um bom controle e feeling e também certa durabilidade com um preço acessível (até 50 reais). Pelo que eu vi uma de co-polímero com uma tensão de 48 lbs seria uma boa escolha. No entanto gostaria que você me indicasse alguns modelos especificamente. Obrigado, abs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lucas, a Signum Pro Hyperion 1.18 é excelente de feeling e boa em controle. Geralmente cordas boas em feeling são mais elásticas e proporcionam mais potência, mas a Hyperion é a melhor delas nesse ponto. Estou usando nas mains justamente por essas características. Abraço!

      Excluir
  10. Olá.
    Jogo com a blx pro staff 95.
    Usei a sensation com 56 libras, mas perdeu tensão muito rápido e não me dava spin.
    Quais seriam as melhores opções para spin no meu caso? E que dure um pouco mais tbm.
    Valeu

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A rpm blast 125 tbm durou pouco full. Com 52 libras.
      Vou fazer um híbrido de rip control e Poly spin para ver.
      A dúvida ser a tensão ideal.

      Excluir
  11. Boa tarde Ricardo.
    Uso uma Aeropro Drive GT 2011, 4° classe e meu jogo é de base com bastante spin, variando com algumas bolas chapadas. E sempre que posso, vou à rede.
    Baseado nestas características, gostaria de saber qual a sua recomendação de cordas.
    Atualmente uso a Signum Pro Hyperion 1.24, embora ache que ela é um pouco dura demais.
    Obrigado e parabéns pelo blog.

    Ricardo Freitas
    ricardo.freitas@ig.com.br

    ResponderExcluir
  12. Olá bom dia,

    Sou iniciante e gostaria de comprar uma raquete boa e macia para não ter lesões e que me de uma boa jogabilidade

    ResponderExcluir
  13. Olá, Ricardo. Tudo jóia?

    Qual seria a melhor opção ou opções de corda(s) indicada para meu caso, q sou um ex-tenista de 1a. classe, com 36 anos (estilo de jogo => saque / voleio com uso de slice e backhand com duas maos, e meu forhand costuma ter spin assim como no back tb, uso o saque slice)

    Raquete utilizada nos jogos: YONEX VCORE TOUR 97 330 gr, no segundo set falta braço ehehehehe

    Vc tá usando qual raquete atualemte e qual corda Ricardo e libragem?

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...